1. O projeto
O projeto será realizado pelo acadêmico Lauro Hendrigo Fonseca Freitas Fagundes, estudante do 5o período da Faculdade de Agronomia, sob orientação do Professor Dr. Gustavo André Simon, tendo como proposta, o estudo da adaptação de novas tecnologias desenvolvidas, mais especificamente, novos genótipos de soja convencional, quando cultivados nas condições ambientais de Rio Verde, GO e desta forma possibilitar que seja disponibilizado aos agricultores, opções de cultivares convencionais para cultivo, como opção que proporciona maior rentabilidade econômica.
 
2. Objetivo
Avaliar o desempenho produtivo de genótipos de soja convencional, quanto à adaptação as condições edafoclimáticas da região de Rio Vede - Goiás.
 
3. Resultados esperados
Pretende-se gerar informações sobre o comportamento de diferentes linhagens experimentais e cultivares comerciais de soja convencional, que atendam a demanda de mercado, para que sejam implantas nas áreas da região sudoeste do Estado de Goiás, sendo assim muito importante para produtores e até mesmo para beneficiadores que necessitam de soja convencional, proporcionando benefício econômico para o agronegócio da região.
 
4. Contribuições e reflexões do projeto
O conhecimento da adaptação de linhagens e cultivares comerciais na região, que podem ser disponibilizadas para agricultores, caracterizam-se como uma tecnologia importante que viabiliza a rotação de princípios ativos utilizados no manejo de plantas daninhas, minimizando o risco de aumento populacional de plantas tolerantes aos produtos químicos pelo uso contínuo da mesma molécula. A avaliação de genótipos nas condições edafoclimáticas de Rio Verde e região visa contribuir no fornecimento de subsídio aos agricultores bem como, gerar opções de tecnologia mais rentável. Além disto, proporcionar condições favoráveis ao treinamento técnico e científico de alunos quanto às demandas do agronegócio.