» Produtividade de sorgo granifero nas condições edafoclimaticas da segunda safra em Rio Verde-GO

 

1- O projeto

O projeto é realizado pelo acadêmico Vinicius Martelli, estudante do sexto período da Faculdade de Agronomia, bolsista de iniciação científica do CNPq, sob orientação do Professor Gustavo André Simon. Pretende-se, em parceria com a Embrapa Milho e Sorgo, avaliar híbridos experimentais de sorgo granífero quanto a adaptação as condições edafoclimáticas de Rio Verde e região. O potencial produtivo de novos híbridos é possível a partir do conhecimento da capacidade adaptativa que é possível através da avaliação destes em diferentes ambientes e assim proporcionar a geração de conhecimento técnico de novos produtos que é transmitido aos agricultores.

2- Objetivos 

O objetivo deste projeto será Avaliar o potencial produtivo de híbridos experimentais de sorgo granífero nas condições edafoclimáticas de Rio Verde - GO

3- Resultados esperados

Pretende-se obter informações sobre adaptação de novos genótipos de sorgo granífero às condições edafoclimáticas de Rio Verde. Disponibilizar informações sobre uma gama maior de genótipos adaptados e promissores para os agricultores da região. Contribuir para o incremento na média da produtividade de grãos de sorgo granífero pela disponibilização de genótipos mais adaptados. Gerar conhecimento sobre genótipos de sorgo granífero com maior adaptação e que associem aspectos favoráveis na maioria das características de interesse para o agronegócio brasileiro, bem como, opções de cultivo em ambientes desfavoráveis para outras culturas. 
 
4- Contribuições e reflexões do projeto

As condições climáticas na região do cerrado brasileiro nos últimos anos tem proporcionado condições de estresse às culturas, principalmente em relação ao déficit hídrico, resultando na redução na produtividade de grãos e consequentemente na produção agrícola. A cultura do sorgo tem significativa relevância neste senário, tendo em vista sua característica de menor exigência pluviométrica. No entanto, novas tecnologias são necessárias para promover incrementos na produtividade de grãos e rentabilidade e desta forma, o conhecimento sobre adaptação de híbridos às condições edafoclimáticas de Rio Verde e região visa contribuir no fornecimento de subsídio aos agricultores bem como, gerar opções de tecnologia mais adaptadas a esta região. Além disto, proporcionar condições favoráveis ao treinamento técnico e científico de alunos quanto as demandas do agronegócio e ainda coletar dados que posteriormente podem auxiliar agricultores a escolher matérias mais adaptados a essas condições.
 

NOSSOS CAMPUS
Campus Rio Verde
Fazenda Fontes do Saber,
Caixa Postal 104
Cep: 75901-970 - Rio Verde - Goiás Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h - 19h às 22h
Campus Aparecida
Avenida das Palmeiras, chácaras 26 E 27,
Jardim dos Buritis
CEP: 74923-590
Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h

Campus Caiapônia
Av. Ministro João Alberto, 310,
Nova Caiapônia, CEP: 75.850-000
Caiapônia - Goiás
Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h - 19h às 22h
Campus Goianésia
Rua 12, nº 288, Setor Sul, Prédio Sec. Mun. de Educação, 2º andar
Goianésia - Goiás
Cep: 76.380-000
Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h