» Avaliação inicial da viabilidade agronomica do uso de resíduos agroindustriais

 

1- O projeto

O presente projeto é realizado pelo acadêmico Vinícius Santos Ribeiro do 3º período do curso de Agronomia, sob a orientação da professora Dra June Faria Scherrer Menezes e almeja avaliar a destinação adequada de alguns resíduos orgânicos oriundos da agroindústria.
A reciclagem no solo agrícola tem sido considerada como a opção mais interessante, tanto sob o ponto de vista ambiental como econômico. Sob o ponto de vista agrícola, a principal vantagem do uso de resíduos relaciona-se com o fornecimento de nutrientes neles contidos e/ou com benefícios ligados ao seu conteúdo orgânico, que pode manter, ou mesmo elevar, o teor de matéria orgânica do solo. Os residuos agroindustriais são ricos em nutrientes, principalmente nitrogênio e fósforo.
Geralmente, a eficiência agronômica (como fertilizantes e/ou condicionadores do solo), é avaliada por meio de um experimento em vasos, em casa de vegetação, onde são cultivadas plantas em solo tratado com o resíduo e em solo tratado com insumos tradicionais, para comparação, sendo que o desenvolvimento e a produtividade das plantas são as principais variáveis observadas.
A adição de um material ao solo agrícola só se justifica quando este resulta em algum benefício agronômico, como melhorar os atributos relacionados à fertilidade do solo.

2- Objetivos 

Avaliar a eficiência agronômica de resíduos agroindustriais como fertilizantes e/ou condicionadores do solo para as culturas de soja e milho.

3- Resultados esperados

A partir da caracterização do resíduo, é possível realizar a avaliação inicial da viabilidade de utilização do resíduo na agricultura. Na primeira etapa, a tomada de decisão baseia-se em dois pontos principais: (i) se o resíduo apresenta nutrientes ou condicionadores do solo (como matéria orgânica, por exemplo) em sua composição e (ii) se os teores de contaminantes no resíduo estão dentro dos limites adequados.
Se o resíduo atender a essas condições, serão realizados os testes de eficiência agronômica. Caso os resultados desses sejam satisfatórios, será possível determinar se tecnicamente o uso agrícola do resíduo é uma opção viável.

4- Contribuições e reflexões do projeto

A reciclagem de resíduos representa um benefício inquestionável: a minimização do problema ambiental que representa seu descarte inadequado. O aluno acompanhará todas as etapas relacionadas a destinação de alguns resíduos da agroindústria, tais como: amostragem do resíduo na agroindustria, caracterização química do resíduo, desenvolvimento das culturas de milho e soja com doses crescentes desses resíduos e os possíveis impactos negativos da sua utiliação. Tudo isso possibiliará um aprendizado eficiente que conectará a teoria com a prática, fazendo com que o acadêmico tenha uma melhor formação profissional.
 
 

 


NOSSOS CAMPUS
Campus Rio Verde
Fazenda Fontes do Saber,
Caixa Postal 104
Cep: 75901-970 - Rio Verde - Goiás Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h - 19h às 22h
Campus Aparecida
Avenida das Palmeiras, chácaras 26 E 27,
Jardim dos Buritis
CEP: 74923-590
Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h

Campus Caiapônia
Av. Ministro João Alberto, 310,
Nova Caiapônia, CEP: 75.850-000
Caiapônia - Goiás
Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h - 19h às 22h
Campus Goianésia
Rua 12, nº 288, Setor Sul, Prédio Sec. Mun. de Educação, 2º andar
Goianésia - Goiás
Cep: 76.380-000
Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h