» Avaliação histomorfométrica da osseointegração de implantes com diferentes tratamentos de superfície
 
 
1. O projeto
 
O projeto está sendo realizado pelo acadêmico Arthur Toledo Martins, do 6° período da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade de Rio Verde (UniRV), com a orientação do Professor Dr. Tiago Luís Eilers Treichel. Esse estudo visa avaliar o comportamento biológico entre os implantes e o osso, em tíbias de coelhos utilizando o método de microscopia eletrônica de varredura e análise histomorfométrica de implantes com diferentes tratamentos de superfícies. Para tanto, serão utilizados 6 animais que receberão quatro implantes, sendo dois em cada tíbia, num total de quatro por animal, sendo 6 animais para cada um dos quatro grupos experimentais. 
 
2. Objetivos
 
O objetivo do projeto é comparar e analisar a osseointegração formada por implantes de titânio, com diferentes tratamentos de superfícies, de maneira qualitativa e quantitativa por meio de estudo histomorfométrico e verificar a sua viabilidade clínica como alternativa terapêutica.
 
3. Resultados esperados
 
Atualmente o uso da terapia reabilitadora oral através da utilização de implante dentário devido a doença ou trauma é motivo de pesquisas em diferentes áreas biológicas como medicina veterinária e odontologia. Simplesmente o intuito de restabelecer a função ou regenerar tecidos possibilita a busca por alternativas que envolvam biomateriais. A realização de um projeto de pesquisa utilizando animais desta espécie torna-se conveniente pelas facilidades relacionadas a acomodação e manejo dos animais, quantidades menores de anestésicos e demais medicamentos, desta maneira diminuindo consideravelmente os custos para o desenvolvimento do projeto. Além disto, apresenta processo cicatricial semelhante ao osso mandibular humano, a maneira do que ocorre com primatas, caninos, ovinos e também ratos, embora esta última espécie não apresente tamanho de tíbia suficiente para suportar os implantes. Desta maneira, haverá a real possibilidade de se extrapolarem os resultados obtidos a partir da pesquisa com coelhos, para a área da odontologia humana, que eventualmente poderá beneficiar diversos pacientes com estas novas propostas de materiais para implantes.

 4. Contribuições e reflexões do projeto

  A partir dos resultados do projeto poderão ser observados quais tipos de superfície de implantes proporcionam um melhor resultado no processo de osseointegração e, como consequência, na evolução e duração do tratamento, gerando assim uma melhor recuperação e bem-estar dos pacientes. Além disso, proporciona ao acadêmico vivenciar a rotina de um projeto, tendo amplo aprendizado e colaborando para o desenvolvimento da área da pesquisa.  O projeto também contribui de forma marcante para o enriquecimento do currículo do acadêmico.

 

 

 

NOSSOS CAMPUS
Campus Rio Verde
Fazenda Fontes do Saber,
Caixa Postal 104
Cep: 75901-970 - Rio Verde - Goiás Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h - 19h às 22h
Campus Aparecida
Avenida das Palmeiras, chácaras 26 E 27,
Jardim dos Buritis
CEP: 74923-590
Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h

Campus Caiapônia
Av. Ministro João Alberto, 310,
Nova Caiapônia, CEP: 75.850-000
Caiapônia - Goiás
Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h - 19h às 22h
Campus Goianésia
Rua 12, nº 288, Setor Sul, Prédio Sec. Mun. de Educação, 2º andar
Goianésia - Goiás
Cep: 76.380-000
Atendimento:
7h às 11h - 13h às 17h